Este site usa cookie para proporcionar uma interface melhor. Continuando a navegação estará aceitando a utilização de cookie por noss parte OK

CONSULADO ITALIANO PROMOVE, EM PARCERIA COM A ALERJ, EXPOSIÇÃO EM HOMENAGEM À IMPERATRIZ TERESA CRISTINA

Data:

15/03/2022


CONSULADO ITALIANO PROMOVE, EM PARCERIA COM A ALERJ, EXPOSIÇÃO EM HOMENAGEM À IMPERATRIZ TERESA CRISTINA

Com entrada gratuita, mostra 'As Múltiplas Faces da Imperatriz: Teresa Cristina em Construção' ficará aberta ao público no Palácio Tiradentes de 15 de março a 8 de abril, sempre das 10h às 17h.

Será aberta ao público nesta terça-feira (15) no Palácio Tiradentes, no Centro do Rio, a mostra ‘As múltiplas faces da Imperatriz: Teresa Cristina em construção’. Promovida pelo Consulado-Geral da Itália no Rio de Janeiro em parceria com a Assembleia Legislativa do Estado (Alerj), a exposição homenageia o bicentenário de nascimento da princesa napolitana que, ao se casar com o imperador Dom Pedro II, veio a se tornar conhecida como "a mãe dos brasileiros".

A mostra foi inaugurada nesta segunda-feira (14), data do aniversário de nascimento da Imperatriz Teresa Cristina, em cerimônia restrita a convidados. Entre os presentes, estavam o cônsul-geral da Itália no Rio de janeiro, Paolo Miraglia del Giudice, o presidente da Alerj, André Ceciliano.

Para o Cônsul, a exposição exalta não somente a memória da imperatriz, mas também a estreita relação entre Itália e bem Brasil. "Enorme, embora, talvez, pouco conhecida e valorizada, foi a contribuição de Teresa Cristina para a formação da identidade global deste maravilhoso país e, em particular, para o desenvolvimento das relações culturais, artísticas, sociais e políticas entre a Itália e o Brasil", enfatizou Paolo Miraglia.

Na exposição, os visitantes poderão conferir os figurinos e parte da cenografia usados na novela "Nos tempos do imperador", cedidos pela TV Globo. E também conhecer um pouco mais sobre a arqueologia, uma das paixões da imperatriz.
Para o presidente da Alerj, trata-se de mais uma importante oportunidade de aproximar a Alerj da cultura italiana e de estreitar cada vez mais os laços fraternos entre Brasil e Itália.
“A exposição joga luz na trajetória daquela que, nos tempos do Império, teve papel fundamental na consolidação do intercâmbio Brasil-Itália”, disse Ceciliano. O parlamentar ressaltou que a exposição chancela e reforça a vocação do Palácio Tiradentes como um singular espaço voltado à cultura e que vai, oficialmente, se transformar na ´Casa da Democracia Brasileira’.
Diretor do Departamento de Cultura da Alerj, Nelson Freitas ressalta que a exposição é oportunidade única para se conhecer um pouco mais sobrer a mulher que se dedicou às filhas, Isabel e Leopoldina, à caridade e que cumpriu um papel de grande relevância na articulação do Brasil com os meios de produção artística, cultural e comunicação da Europa.
“A imperatriz Teresa Cristina, há 200 anos, construía a imagem de uma mulher empreendedora, engajada politicamente no desenvolvimento da terra que ela adotou como sua, no país que chamava de seu, e que foi reconhecida como mãe, acima de tudo”, destacou Nelson.


HISTÓRIA, ARTE E CULTURA
A mostra conta com um ambiente de exploração arqueológica com réplicas para escavação. Neste estado o público poderá participar de rodas de conversas e palestras presenciais e virtuais.
A curadoria da exposição é da Professora Adjunta de História da Arte da Universidade do Estado do Rio de Janeiro - ART/ UERJ, Evelyne Azevedo. Para ela, “falar sobre a imperatriz Teresa Cristina é como tentar decifrar uma escultura de cuja forma conhecemos apenas os moldes.
Casada por procuração com D. Pedro II, em 1843, trocou Nápoles pelo Brasil onde foi aclamada como a “mãe dos brasileiros” e, apesar de sua popularidade, teve sua importância diminuída em relação ao marido. A historiografia, tanto brasileira quanto italiana, ainda deve muito à sua figura, retratada ao longo dos anos como bondosa, mas silenciosa; mas, ela foi mesmo silenciada”, enfatizou Evelyne.


SÉRIE DE HOMENAGENS
A exposição é um dos eventos promovidos pelo Consulado Geral da Itália no Rio de Janeiro para homenagear o bicentenário da Imperatriz . As comemorações foram abertas com a inauguração de um busto-monumento de Teresa Cristina, instalado na Praça Itália, no Centro do Rio, espaço adotado pelo consulado e que passa por um processo de revitalização.
Já na quarta-feira (16), será lançado o livro infantil “A Cidade de Teresa”, assinado pela Professora Ana Maria de Andrade, com texto em português e italiano. O lançamento será realizado no Colégio Estadual Rodrigo Otávio Filho, em Vaz Lobo, Zona Norte da capital fluminense, primeira escola pública bilíngue e bicultural Italia-Brasil no Estado de Rio, fruto de uma parceria firmada entre o Consulado-Geral da Itália, a Secretaria de Estado da Educação e o Departamento de Italiano da UFRJ.

HOMENAGEM NA CIDADE DE TERESA
No dia 16 de março, o Consulado-Geral da Itália no Rio de Janeiro participará de um evento especial promovido pela Prefeitura de Teresópolis, cidade serrana batizada em homenagem à Imperatriz.
Lá será realizado, no Palácio Teresa Cristina, o “Sarau Artístico Cultural Teresópolis, Cidade de Teresa”, que contará com a participação do prefeito Vinicius Claussen e seu vice, Dr. Ari Boulanger, além da secretária de cultura Cléo Jordão.


447